domingo, 12 de setembro de 2010

O cineasta Ivan Cardoso e a sua fotografia

Tunga
Luiz Melodia
Mão na careca
Wilson Grey
Hélio Oiticica
Raul Seixas
Rogéria
Fotógrafo, ator, artista plástico, jornalista, diretor e produtor de cinema, Ivan Cardoso é mais conhecido como cineasta. Estreou no cinema em 1970 com Nosferatu no Brasil, filmado em super-8 e tendo como ator o poeta tropicalista Torquato Neto. Sua filmografia compreende mais de vinte curtas e seis longa metragens, o primeiro dos quais foi O Segredo da Múmia em 1982. Depois desta produção e de As Sete Vampiras  (1986), ficou caracterizado como mestre do terrir devido à mistura de terror, humor e sexo. Nos anos setenta participou ativamente dos movimentos artísticos de vanguarda ao lado de artistas como Hélio Oiticica e Décio Pignatari. A fotografia foi sua primeira atividade, uma prática iniciada no fim dos anos sessenta através da qual registrou seu trabalho e os muitos artistas, parceiros e amigos, que conheceu na sua atividade. Seu arquivo é constituído de cerca de 80 mil negativos. Desde 1967 participa de numerosas exposições coletivas no país e no exterior.


Um comentário:

fBLOG disse...

Cara amiga, essa sério de matérias sobre fotógrafos e fotografia está muito boa, virei fã.
Beijo!